domingo, 30 de maio de 2010

AMOR INCONDICIONAL DE DEUS

“Sublime Amor”

"Se em tinta o mar se transformasse,
E em papel o céu também,
E a pena ágil deslizasse,
Dizendo o que esse amor contém,
Daria fim ao grande mar,
Ao esse amor descrever,
E o céu seria mui pequeno
Pra tal relato conter."

Frederick M. Lehman

Paulo descreve o amor de Deus em Efésios 3:18-19
"Poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade, e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus."

O amor de Deus não pode ser explicado apenas vivido.

Com essas palavras eu apena posso glorificar a Deus e agradecer toda a plenitude de suas bençãos e graças que ao em nosso dia-a-dia é derramado como bálsamo ungido em nossas cabeças.

Viver a plenitude divina é estar em graça com o Pai Celetial que tanto nos ama e nos deu eu único filho paa morrer pelos nossos pecados.

Assim podemos viver as palavras de Paulo:

2 Coríntios 5:17

"Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação; isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados, e pôs em nós a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamo-vos, pois, da parte de Cristo, que vos reconcilieis com Deus. Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus."


Galátas 2:20

"Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim."



Romanos capítulo 10:9-10

"Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação."


Que Deus abençoe! Amém.