sábado, 23 de junho de 2012

Os Cinco Sentidos de Deus

Antes de falar sobre os cinco sentidos de Deus para nossa vida, vamos conhecer os motivos pelos quais o Senhor espera de nós a busca incansável para conhecer e querer esse presente dado pelas mãos poderosas do Altíssimo, para que cada vez mais, essa ligação seja estabelecida por toda eternidade!


Glória de Deus

1. Tudo Deve ser para a Glória de Deus


As Resoluções de Jonathan Edwards, nos mostra como prioridade o ítem 1:

RESOLVI que farei tudo aquilo que seja para a maior glória de Deus e para o meu próprio bem, proveito e agrado, durante toda a minha vida.

Na Bíblia, Paulo nos exorta dizendo:

 "...Façam tudo para a glória de Deus." 1 Coríntios 10:31b

Eu começo esse estudo com a seguinte pergunta:

O QUE VOCÊ FAZ ESTÁ GLORIFICANDO A DEUS OU A VOCÊ MESMO?

No mundo encontramos cada vez mais, dia após dia, uma vasta oportunidade de nos deparar com situações que nos levam por caminhos que nos afastam de Deus. Porque? O mais importante é entender COMO esse caminho me afasta do Pai, porque se estamos praticando algo que para o Senhor é abominável, então estamos sendo desobedientes e rebeldes!


2. Devemos Obedecer a Deus


"Mas eles não me ouviram nem me deram atenção. Antes, seguiram o raciocínio rebelde dos seus corações maus. Andaram para trás e não para a frente." 
Jeremias 7:24   
 
Andar para trás é algo que realmente só acontece quando somos teimosos e desobedientes aos ensinamentos do Senhor! O nosso passado, não pode servir de tropeço para atingir o meu alvo, antes deve ser algo que me impulsione a lutar e vencer os obstáculos, seguidos pelas mãos poderosas de Deus e não para desanimar e achar que não podemos mais seguir. Sempre buscamos "desculpas" ou achamos que isso não importa,  para que cresçamos. Muito pelo contrário!

Mas existem também pessoas que em diversas situações simplesmente dizem que conhecem e falam de Deus, mas os seus ensinamentos não são obedecidos!

"Eles afirmam que conhecem a Deus, mas por seus atos o negam; são detestáveis, desobedientes e desqualificados para qualquer boa obra." Tito 1:16

Devemos nos apresentar como pessoas tementes a Deus para que possamos ser instrumentos consagrados em suas mãos!

"Quem é sábio? Aquele que considerar essas coisas. Quem tem discernimento? Aquele que as compreender. Os caminhos do Senhor são justos; os justos andam neles, mas os rebeldes neles tropeçam."  Oséias 14:    

Os Cinco Sentidos

Para que possamos entender e aprender como obedecer a Deus e poder ser esse vaso de honra em Suas mãos, devemos ficar atentos para cinco fatores que nos levam ao verdadeiro entendimento vindo direto do coração do Senhor!

Os Cinco Sentidos
COMO SER UM VASO DE HONRA QUE TRAZ A EXCELÊNCIA DO TRONO DE DEUS
USANDO OS CINCO SENTIDOS DE DEUS EM NOSSA VIDA!

1. Ter uma Visão de Águia (visão)
"Senhor, queremos que se abram os nossos olhos". Mateus 20:33

Ver além do que se está vendo, pode ser um paradoxo, mas é o poder de Deus, pois em nada podemos ser mais ousados, se pudermos ver pelos olhos da fé!

Quando enxergamos além daquilo que está em nossa frente, temos a certeza de que Deus irá nos mostrar o que realmente devemos ver! Olhos espirituais, para ir muito mais longe, saber que lá na frente está a nossa chegada.

A águia, lá do alto, consegue ver o seu alvo a centenas de metros de distância. Ela plaina, avista e segue em busca do alvo até conseguir agarrar sua presa, sem errar o ataque!

Visão de águia, para podermos enxergar o que Deus tem preparado para nós, muito mais além do que os meus olhos naturais podem ver!



2. Ouvir a Voz de Deus (audição)
"A voz do Senhor é poderosa; a voz do Senhor é majestosa." Salmos 29:4

Fazer a Vontade de Deus, essa é a expressão exata para ouvir a Sua Voz! Aprende mais quem escuta mais. Mas de que vale escutar e não praticar? É preciso ouvir a Voz de Deus, ser sensível ao seu chamado e nunca duvidar desse poder que vem do Alto!

Mas como identificar essa "Voz"? Deus nos dá a Paz interior e o Espirito Santo testifica em nosso coração esse entendimento. Quando santificamos nossos ouvidos, e nos afastamos de tudo que é mal diante de Deus, nós estamos preparados para ouvir a Sua Voz. E o que é mal diante de Deus? Tudo o que for contra a Sua Palavra! A Voz de Deus é doce aos nossos ouvidos, não tem barulho nem malícia, é pura e está inclinada ao que é Santo. Nos direciona a fazer a Vontade Dele!



3. Ter discermimento no Falar! (paladar)
"Há alguma iniqüidade em meus lábios? Será que a minha boca não consegue discernir a maldade?" Jó 6:3

Cuidado com o que sai da sua boca! Jó já nos alertava, mas foi Tiago, o irmão do Senhor, que nos exortou ao dizer que com a boca tanto professamos maldição quanto bênção! (Tiago 3:10)

A Língua é um orgão que pode sentir 4 tipos de sabores: amargo, azedo, salgado,  e doce. Numa aplicação podemos dizer que devemos tomar cuidado com as palavras que podem causar dor e mágoas (amargo e azedo - maldição),  e falar mais palavras que edificam e tragam paz ao coração (salgado e doce - bençãos).
 
O evangelista Lucas, no evangelho de Jesus que leva o seu nome, nos diz que, A boca fala do que o coração está cheio (Lucas 6:45), portanto, se o meu coração está inclinado nas coisas de Deus, ele não terá mágoas, raivas e nem outro sentimento que possa me entristecer e levar a murmurações, que nada mais é que obstáculos para as respostas de Deus!

Assim, falar de Deus, professar a fé em Cristo, bendizer o Seu Santo Nome, é estar em comunhão com o Altíssimo, agradecer em todos os momentos, tudo em nossa vida, nos faz ser mais felizes e abençoados diante do Senhor!

"Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito."  Romanos 8:28


4. Ter sensibilidade (tato)
"Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento dos seus corações.

Tendo perdido toda a sensibilidade, ele se entregaram à depravação, cometendo com avidez toda espécie de impureza. 

Todavia, não foi assim que vocês aprenderam de Cristo. " Efésios 4:18-20

" Jesus chorou." João 11:35

A sensibilidade é algo que devemos estar atentos para não perder, pois em tudo Deus  nos prova e espera nossa fidelidade nas ações e atitudes da vida!

Estar pronto para sentir a dor do outro, se encher das dádivas dos céus, são passos dados ao lado de Cristo! Jesus quando esteve na Terra,  era sensível, sentia dor e nem por isso deixou de ser Deus! O poder que lhe era concedido vinha do Alto, mas ele se deixou ser usado como instrumento mas mãos do Pai, e fazer a Sua Vontade!

Precisamos entender essa verdade, para que em tudo, sermos abençoados e vitoriosos!


5. Ser Atraído pelo Bom Perfume de Cristo (olfato)
"Porque para Deus somos o bom perfume de Cristo" 2 Coríntios 2:15

Se para Deus nós temos o cheiro de Jesus, devemos também buscar sentir cheiros agradáveis que nos levam a Cristo! Assim nós seremos levados como aroma puro à presença do Rei e seremos atraídos para as coisas de Deus!











VISÃO DE ÁGUIA - OUVIR A VOZ DE DEUS 
TER DISCERNIMENTO -  SER SENSÍVEL -  CHEIRO DE CRISTO



Assim, com os cinco sentidos de Deus aguçados em nossa vida, nós podemos viver uma experiência real com o Senhor e em tudo o Seu Nome ser Glorificado!

"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." Romanos 12:2 

Entender essa verdade é o que no leva a sermos:
 "Separados e Aprovados para a Boa Obra de Cristo"




"Senhor conceda-me a oportunidade do Teu Nome ser Glorificado através da minha vida, me dando uma visão espiritual, para ver as Tuas maravilhas, ouvidos atentos a Tua Voz, o discernimento para entender as Tuas verdades e a sensibilidade de poder sentir e exalar a fragrância do Bom Perfume de Cristo! Amém!"