Leitura Dinâmica: Saúde mental, como salvá-la?

Parece difícil imaginar, mas um em cada três de nós vai, em algum momento da vida, vai apresentar um tipo de transtorno mental”.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão, em 2030, é prevista como a doença de maior impacto na vida das pessoas.


É assim que começa a nossa Leitura Dinâmica, apresentando uma das causas de maior incapacitação das pessoas, que é o transtorno mental, sendo bem maior do que qualquer outro tipo de doença cardiovascular ou cancerígena. A saúde mental atinge quase 40 milhões de pessoas só no Brasil. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão, em 2030, é prevista como a doença de maior impacto na vida das pessoas. Essa e outras doenças, como a ansiedade, TOC, bipolaridade, ansiedade, síndrome do pânico, drogas ilícitas, alcoolismo, esquizofrenia e mal de Alzheimer são abordadas no livro “Não é Coisa da Sua Cabeça”, de autoria de Naiara Magalhães e José Alberto de Camargo, onde eles fazem uma coletânea de informações sobre relatos de pessoas através de suas experiências de superação, explicando os sintomas e como foram constatados como doentes mentais.






Esses transtornos da mente humana modificam o comportamento, o estado emocional e o modo de pensar dos indivíduos, bem como transforma as suas relações interpessoais, seja na família ou no trabalho, comprometendo a saúde e o bem-estar de ambos.





Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração”. Hebreus 4:12


O QUE DIZ A PSICOLOGIA?




O que nós podemos observar no campo da Psicologia é o constante aumento de estudos e tratamentos acerca da saúde mental do ser humano, visto que é comum o pensamento de que a busca por uma vida saudável requer tranquilidade e muita paz na alma. Quando vamos em busca de respostas à luz da Palavra de Deus, podemos notar que o homem é dotado de uma capacidade de superação que sobressai qualquer problema físico, psíquico ou emocional, onde nas Escrituras são testemunhadas lutas, dificuldades, problemas e causas de doenças impossíveis de cura, com um ingrediente fundamental na vida de uma pessoa, que é a fé. Logo, é possível afirmar: existe cura da alma através de Cristo Jesus, no sacrifício da cruz.

É importante entender, porém, que existe uma alteração hormonal em alguns casos, onde a diminuição ou aumento de algum hormônio possa alterar o funcionamento fisiológico do indivíduo. Entretanto, podemos sim ao encontrar a raiz do problema, ter uma visão espiritual no intuito de cuidar dessa alma sofrida e emocionalmente abalada, mesmo que essa pessoa esteja sendo acompanhada por um profissional da área. Como conselheiros cristãos e cuidadores do Corpo de Cristo, nossa missão é entender o sofrimento dessa família, onde se encontra uma pessoa com problemas de saúde mental. A família é a base de toda a estrutura de uma pessoa, e para tanto requer cuidados especiais e atenção por parte da Igreja também.

No último capítulo, o livro traz dicas para que a família possa saber agir tanto na prevenção da doença como no controle, por exemplo, no caso de lidar com alguém com depressão ou transtorno bipolar, que é totalmente diferente de alguém com dependência química ou esquizofrenia. Saber lidar com cada tipo de doença é o primeiro passo para ter uma vida normal, mesmo tendo que continuar tomando remédios.

Para finalizar nossa explanação sobre o tema, deixo uma frase dita no livro “Não é Coisa da Sua Cabeça” e escrita pelo Dr. Drauzio Varella, acerca de um questionário que o mesmo fez com usuárias de crack, sobre a internação mesmo contra a vontade do paciente. Ele não imagina que pudesse ouvir alguém dizer: “Graças a Deus, eu fui presa”. Surpreso com a resposta, ele afirma que ouviu mais de duas mulheres falarem assim.


Falar de problemas psicológicos ou transtornos mentais sem abordar o tema “espiritualidade”, que é uma das dicas de prevenção da família em relação à doença, não é buscar ter um estilo de vida saudável, pois do ponto de vista religioso, quando se trata do cuidado espiritual, do corpo e da mente, Deus está sempre no meio da sua criação.
Desta forma, “Mens Sana In Corpore Sano (uma mente sã num corpo são) é uma famosa citação latina, que traduz bem o que o livro vem nos dizer, de fácil entendimento e um texto bem explicativo, ilustrado com várias experiências médicas e de pacientes. O livro intitulado “Não é Coisa da Sua Cabeça” nos faz aprender que passamos por situações na vida que qualquer um de nós ou de nossa família pode um dia sofrer e saber identificar, prevenir ou controlar, possa ajudar no tratamento e no convívio com essas pessoas.

Portanto, nem tudo parece ilusão ou fantasia da cabeça, e pode ser sim um distúrbio no cérebro. Como já dissemos, a falta ou excesso de hormônio pode nos levar a desenvolver certo tipo de transtorno mental, como dizia certo humorista de um programa de televisão: “Saúde é o que interessa, o resto não tem pressa”. Podemos parafrasear, refazendo a frase desta maneira: “Saúde é o que interessa, por isso se apresse, isso pode ser sim, coisa da sua cabeça!”.

Adicionar legenda
Que Deus possa nos ajudar, enquanto cuidadores, para que possamos usar nossos dons e talentos em favor do Corpo de Cristo, que é a Igreja.

Fica com Deus!



Márcia Morais
Especialização em Psicologia Pastoral e Aconselhamento Cristão, Bacharel em Teologia com ênfase em Judaismo Messiânico e pós graduação em Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Qual sua Essência?

Saudade...

Coração Quebrantado